Você está aqui: Página Inicial > Contents > Notícias > PRAC > Ocupe a Praça

Notícias

Ocupe a Praça

por publicado: 13/07/2018 19h18 última modificação: 13/07/2018 20h29

A reconstrução do espaço: Praça da Alegria será alvo de projeto de extensão

 

Dinamizar um espaço público requer muito mais do que apenas vontade. É necessário compreender a realidade cultural do local, a fim de intervir nos valores e nos estereótipos que compõem o imaginário social acerca do lugar. A praça da Alegria, localizada no Campus I da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), será palco de um evento cujo objetivo principal é, justamente, mobilizar o referido espaço por meio do socialização da extensão acadêmica.

Nesse sentido, com uma longa história de movimentação política na UFPB, greves estudantis e até apresentações artísticas, a praça da Alegria será alvo do I Seminário de Extensão e o projeto “A Extensão ocupa a Praça”. O evento, que será promovido pela  Assessoria de Extensão do Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA) da UFPB, servirá como abertura do semestre letivo 2018.1 e para dar boas-vindas ao novos estudantes que ingressaram na Universidade.

Para a assessora de extensão e professora do Departamento de Serviço Social  do CCHLA-UFPB, Nívea Pereira, a iniciativa tem como intenção tornar a praça da Alegria um espaço democrático. “Queremos desconstruir e problematizar, pois a praça hoje é vista apenas como um local onde as pessoas fumam maconha. Mas ela tem uma história de mobilização política. Queremos recuperar esse caráter político através da integração do espaço com o projeto de extensão”, afirmou.

Ainda de acordo com a assessora, o evento, que ocorrerá nos dias 17, 18 e 19 de julho, foi pensado e aprovado pelo Fórum Permanente de Extensão do CCHLA. A ideia, segundo ela, foi democratizar já a partir da própria elaboração do projeto de extensão, pois  houve a participação de representantes dos professores, dos técnicos administrativos e dos estudantes no processo de tomada de decisão e na produção de propostas de ações sobre a realização do projeto.

Em relação à programação de abertura no dia 17, para dar boas-vindas aos novatos, começará às 18h com a apresentação da performance “Desenrolar”, da atriz e da ativista do movimento negro Fernanda Ferreira. Em seguida, haverá a conferência “Os Desafios da Democracia no Brasil”, que será proferida pelo Vice-Diretor do CCHLA, professor  Rodrigo Freire de Carvalho e Silva e pelo professor Daniel de Campos Antiquera (DRI/CCHLA).

 No segundo dia  do evento haverá duas conferências. Uma será sobre a “Conjuntura e Universidade em Tempos de Crise”,  a ser ministrada pelo professor Elio Chaves Flores (NEABI/UFPB) e pela professora Lúcia de Fátima Guerra (DH/UFPB). A outra será sobre “A extensão Universitária como instrumento de Resistência na Atual Conjuntura”, a ser proferida pela professora Nazaré Zenaide (NCDH/UFPB) e pelos (as) técnicos- administrativos Antônio Mendes (SEAMPO/UFPB) e Maria Helena Serrano Lins (SEAMPO/UFPB). Ainda no dia 18, o evento contará com apresentações dos projetos de extensão desenvolvidos no CCHLA por meio de comunicações orais. A programação do dia se encerrará com a apresentação “Forró da Alegria”, do músico Helinho Medeiros. 

O I Seminário finalizará, no dia 19 de julho, com a exibição do filme “A Língua das Mariposas, pelo projeto “A Extensão Ocupa a Praça”, de coordenação da Assessoria de Extensão do CCHLA. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 32167922 ou pelo e-mail assessoriaext@gmail.com. As inscrições podem ser realizadas pelo link: https://sigaa.ufpb.br/sigaa/public/extensao/loginCursosEventosExtensao.jsf  

Além disso, será disponibilizado um computador para os interessados realizarem suas inscrições na hora e também fichas de inscrição que poderão ser preenchidas à mão. Tanto o PC, quanto o formulário estarão no auditório 411 do CCHLA que, junto com o 412 serão os locais onde ocorrerão as palestras. 

Programação